carregando...


Taboão da Serra, 16 de Dezembro de 2018 - 20° C

Alunos vencedores da Olimpíada Brasileira de Astronomia são homenageados

OBA 2018premiaçãoOlimpíada Brasileira de AstronomiaOBAmedalhas

Atualizado em: 30/11/2018 17:11

Pelo quarto ano consecutivo a Secretaria de Educação, Ciência e Tecnologia de Taboão da Serra premiou os alunos das escolas públicas vencedores da Olímpiada Brasileira de Astronomia e Astronáutica (OBA). Em cerimônia realizada no Cemur em 28 de novembro, 97 alunos da Rede Municipal de Ensino receberam medalhas e certificados pela brilhante participação no campeonato.


Os alunos de Taboão concorreram com mais de 770 mil estudantes de 8450 escolas de todo o país. A olímpiada é organizada pela Agência Espacial Brasileira (AEB), em colaboração com a Sociedade Astronômica Brasileira (SAB). Como a adesão ao projeto é livre, seis escolas da prefeitura participaram desta XXI edição: EMEF Profª. Ester Cordeiro de Souza, EMEF Profª. Ana Mafalda Barbosa de Carvalho, EMEF Armando Andrade, EMEF Profª. Dalva Barbosa Lima Janson, EMEF Machado de Assis e EMEF Dr. Anísio Dias dos Reis.


Ao todo foram conquistadas 97 medalhas, sendo 25 de ouro, 19 de prata e 53 de bronze. Kamilly Oliveira, aluna da EMEF Profª. Ester Cordeiro de Souza, sonha ser médica e recebeu a terceira medalha de ouro consecutiva na OBA. “É muito legal, a escola faz prova na escola em maio e a gente recebe a medalha agora. Então, é uma conquista para gente, a gente fica muito emocionado”, disse.

 

Alunos conquistaram 97 medalhas na XXI Olimpíada Brasileira de Astronomia.


Já Maria Eduarda dos Santos Pinheiro, também aluna da EMEF Ester Cordeiro, foi medalhista de bronze nesta edição. A jovem que deseja em ser dançarina, participou da competição pela terceira vez e, em outras edições, conquistou medalhas de ouro e de prata. “Achei a prova um pouco difícil comparada com as outras. Me sinto muito feliz, porque quando é a prova a gente se sente com muito medo e quando ganha, a gente se sente muito feliz”, declarou.


Ao final da premiação quem brilhou foram os alunos do coral da EMEF Rui Barbosa. As crianças arrancaram risos, aplausos e lágrimas da plateia ao fazer apresentações com flautas e de canto. Com a flauta, dentre outras músicas, os jovens entoaram “O Fortuna”, da cantata cênica Carmina Burana e o clássico do rock “We will rock you”, da banda Queen. Já em coro, entoaram a música “Era uma vez” da cantora Kell Smith.

 

Coral da EMEF Rui Barbosa encantou o público


O secretário de Educação, Prof. João Medeiros, afirmou que esta edição da olímpiada foi acirrada e que as notas de corte para obtenção das medalhas, de um nível para o outro, não chegava a um décimo, porém o que importava era celebrar a vitória dos alunos. “Não importa se a medalha é ouro, prata e bronze. Todos são vencedores. Me lembro que, com sete anos de idade, conquistei uma medalha e fiquei muito feliz. Até me emociono quando lembro”, disse. Já fui professor, diretor de escola e secretário municipal. Tenho certeza que os filhos de vocês também se lembraram deste momento de alegria e de festa com carinho e, com certeza, eles irão mais além do que onde eu já cheguei. Vamos dar uma salva de palmas aos nossos alunos”, finalizou o secretário.


Ranking
Confira o ranking de medalhas por escola participantes desta XXI Olímpiada Brasileira de Astronomia e Astronáutica:
1.    EMEF Ester Cordeiro de Souza - 36 medalhas: 9 ouro, 10 prata, 17 bronze;
2.    EMEF Armando Andrade - 30 medalhas: 15 ouro, 5 prata, 10 bronze;
3.    EMEF Dr. Anísio Dias dos Reis - 12 medalhas: 1 ouro, 1 prata, 10 bronze;
4.    EMEF Ana Mafalda Barbosa de Carvalho - 8 medalhas: 1 prata, 7 bronze;
5.    EMEF Machado de Assis - 6 medalhas de bronze;
6.    EMEF Profª. Dalva Barbosa Lima Janson - 5 medalhas: 2 prata, 3 bronze.

 

CONFIRA MAIS FOTOS: